QUASE AURORA

E-mail

HOME       SOBRE       CONTATO

NÃO ESCREVI PORQUE ELA MORREU

Eu pensei muito sobre o que escreveria aqui e enquanto digito essas palavras, ainda não sei. Há um vazio enorme nos meus dias, na minha mente e no meu coração. Esse vazio não se explica, apenas se sente.

Não é fácil colocar em palavras a dor da morte.

Talvez eu consiga falar sobre isso de uma maneira melhor, mas enquanto esse dia não chega, vou seguindo um dia de cada vez e tentando reconstruir minha vida sem minha mãe. E uma das formas de fazer isso é voltar a escrever no blog que ela tanto me apoiou e incentivou a continuar nas infinitas vezes que pensei em abandonar.

E bom, pra não deixar de compartilhar nada com vocês, deixo aqui o vídeo que publiquei essa semana no canal. Os primeiros dias sem a presença dela aqui e as coisas que fiz.







NÃO É APENAS UMA CASA, É ABRIGO

Depois de tanto tempo trabalhando em casa, notei que tenho ficado mais pelos cantos dela do que somente no meu quarto. Acredito que é importante renovarmos nossos ares e um pouquinho do cenário para nos sentirmos felizes dentro do nosso lar. E isso tem se intensificado mais desde o começo da doença da minha mãe. Sinto a necessidade de ter um ambiente de acolhimento e felicidade, afinal, uma casa não é apenas uma casa, é abrigo e amor.

Pensando nisso, mais uma vez à convite do Atelier Clássico, vim falar sobre conforto com vocês.

Começando pela poltrona Zara que tem um design minimalista, mas agrega comodidade e transmite a sensação de abraço, tudo que precisamos nos dias mais difíceis e puxados. Ela possui seis pinturas no metal e você ainda pode customizar com o acabamento que preferir.



Ainda seguindo o tema poltrona, a Cutiê é perfeita para quem tem quintal ou uma grande varanda. Tem dias que a gente precisa sair das quatro paredes e respirar um ar puro e se você tem esse privilégio, aproveita! Imagina sentar-se em uma poltrona como essa e poder dar uma meditada ou observar o céu? Ela é feita em madeira maciça eucalipto e tem design artesanal, ou seja, uma peça especial.

Já nos dias para conversar com a psicóloga virtualmente, para ler um livro ou para colocar os fones de ouvido e esquecer dos problemas, que tal a Costela? Essa poltrona é meu sonho de consumo e eu faria um uso excelente dela! Perfeita para quem gosta do design despojado ou minimalista.



Acredito que casa é um lugar que deve receber nosso carinho e atenção, afinal, ela conhece nossos momentos mais felizes e tristes. E decorar é mais do que colocar móveis em um ambiente, é expressar quem realmente somos e proporcionar um local de conforto.

Quer presentear seu lar e você mesma com esses móveis? Visite o site que tem muito mais esperando por você!




CHEIRINHO FLORES DE LOLITA

Achar o nosso cheiro é algo difícil, pelo menos pra mim. Queria muito ter o meu cheiro, mas como meus pais sempre gostaram muito de perfumes, acabei sendo influenciada por eles e passei a variar meu cheiro conforme meu humor (e bolso, porque a gente sabe que perfume é um item caro).

Mas desde que o minimalismo entrou na minha vida, passei a olhar perfumes com outros olhos e encontrar meu cheiro se tornou uma missão! E bom, eu ainda não tenho, mas sigo com o lema: um perfume fresco para o dia e um mais forte para sair à noite.

Eu já conhecia o hidratante Lolita, mas estava há uns dois anos usando de outra marca. Sempre lembrava do cheiro e da textura dele na minha pele e como o meu hidratante estava no fim, pensei que estava na hora de comprar um diferente. Acabei sendo convencida pela vendedora a comprar o perfume da linha e veio muito a calhar porque meu perfume pro dia chegou ao fim.

A The Body Shop acredita na autenticidade do amor imperfeito, que deixa a vida mais leve e ao mesmo tempo intensa. Flores de Lolita foi inspirado na mulher que vive este contraste. Descubra o buquê de flores rosas que revela uma fragrância floral frutal irresistível.

Essa é a mensagem do perfume de 75ml. É um frutal gostoso, refrescante e doce na medida que eu acho ideal. O único problema é que na minha pele a fragrância não dura muito ou pelo menos eu não sinto o cheiro depois de um tempinho.

Na embalagem e também no site fala que a fragrância deve ser aplicada sempre que desejar, principalmente nos pulsos, atrás da orelha, pescoço e colo. Talvez esse seja o segredo: por ser uma fragrância, precisa ser reaplicada ao longo do dia e eu não tenho o hábito de fazer isso.

Flores de Lolita é uma fragrância 100% vegana e está por R$99,90 no site. Na loja paguei R$70 por conta de uma promoção e apesar de não ser exatamente o que eu esperava (a fixação), foi uma compra que não me arrependi de fazer, além disso, me apaixonei pela embalagem.

Me conta qual é o seu cheirinho e se você já usou algum produto da linha Lolita nos comentários!





NÃO VAI TER BEDA, MAS FICA AQUI

Foi por acaso, lendo minha lista de blogs, que lembrei que agosto é mês do beda (postagens todos os dias). E como o título desse post já diz, não teremos beda esse ano porque não tenho cabeça. As coisas se complicaram por aqui, mas por recomendação da minha psicóloga, eu vou continuar fazendo algumas pequenas atividades para me distrair e também me cuidar para ficar forte.

Acho extremamente importante reconhecermos nossas vulnerabilidades e fraquezas. Isso nos torna mais humanos e mostra o quanto nos conhecemos, sabemos nossas limitações. E bom, eu só coloco minha mão até onde meu braço alcança. O que passar disso não é seguro.

Para vocês entenderem um pouco mais do que acontece do lado de cá, deixei linkado o último episódio do meu podcast que saiu no dia 04/08. Inclusive, toda quarta-feira tem post novo!

As postagens seguirão normalmente, duas ou três vezes na semana dependendo da minha criatividade, humor e o que tiver sentido escrever aqui, afinal, se não tem propósito, não há razão para escrever por apenas escrever.





Acompanhe