QUASE AURORA

E-mail

HOME       SOBRE       CONTATO

5 PASSOS PARA UMA VIDA MAIS POSITIVA

Quero deixar claro logo no começo desse post que não sou uma pessoa 100% positiva. Sou ser humano com tendências a falhas e mudanças, os sentimentos e opiniões podem mudar com frequência, mas eu tento manter o máximo possível uma vida equilibrada, feliz e positiva. E como vocês bem sabem, gosto de compartilhar coisas boas, então porque não fazer esse post? Hoje quero falar sobre algumas atitudes que tomei e transformaram minha vida.


⤿ Aprender a lidar com os problemas
Se tem uma coisa que eu aprendi na marra foi que o que está ao meu alcance, não só posso como devo fazer, mas o que não está não deve ficar me preocupando de forma exagerada. Devo ir até onde meu braço alcançar, fazer o que é possível e o resto, bem... é resto! Depois que entendi isso aprendi que problemas sempre existirão e que costumam aparecer em momentos inoportunos, mas que se eles não podem ser resolvidos agora não adianta me descabelar por isso e minha saúde mental agradece.

⤿ Focar nas coisas boas
Essa frase é muito clichê, mas é muito verdade. Quando o mundo está caindo ao meu redor começo a pensar nas coisas boas que me aconteceram dentro de 3 meses ou até um ano. Isso me ajuda muito a parar de lamentar pelas coisas que não aconteceram e a ser grata por tudo que tenho, pelos privilégios que tenho na vida, como por exemplo: poder enxergar. 

Quando eu foco nas pequenas coisas que para alguns são "banais" ou passam despercebidas, mas que influenciam grandemente a minha vida, consigo tirar o foco das coisas ruins. A vida não é e nunca será um mar de rosas, mas não dá para viver pensando só no que pode dar errado, no que deveria acontecer e não aconteceu ou no dia em esqueci o guarda-chuva e choveu.

⤿ Praticar a gratidão
E quando digo praticar é agradecer por cada mínima coisa que acontece. A oportunidade de ir ao cinema, ter um teto em uma noite chuvosa, doar comida ou roupa para quem precisa, agradecer pelo serviço que algum funcionário presta, dizer obrigada para a pessoa que me ajudou. Gratidão muda muito nossa vida, nosso humor e até nossa aparência física! Como cristã eu levo isso muitíssimo a sério! Todos os dias quando oro, começo minha infinita lista de coisas pela qual sou grata, até mesmo as coisas ruins que me ensinaram a amadurecer - porquê tudo tem um propósito para acontecer.

⤿ Cercar-se de coisas boas
Outra coisa que parece muitíssimo clichê mas carrega muita verdade, explico com exemplo: Você com certeza conhece uma pessoa negativa, que só sabe fazer comentários desagradáveis e que causa muito mal estar. É ou não é horrível estar ao lado de pessoas assim? MUITO! Não dá nem vontade de compartilhar sua vida com esse tipo de gente, por isso sou extremamente seletiva com minhas amizades e com as coisas que conto a respeito dos meus sonhos, do meu dia a dia...

Eu quero gente positiva, agradável e que saiba fazer críticas construtivas ao meu lado e não pessoas que só querem me colocar para baixo, desmerecer meu trabalho ou sofra do mal da inveja. É por isso que digo que prefiro ter poucos e bons amigos, do que muitos e péssimos. Mas quando falo de cercar-se de coisas boas não me refiro só a pessoas, mas aos ambientes também. Gosto de lugares que me tragam paz e prazer em estar ali.

⤿ Pensar que o melhor estar por vir
Eu poderia ser uma pessoa extremamente negativa com base nas coisas que não aconteceram, nos projetos frustrados, nas doenças e nos acidentes que me aconteceram, porém, sou muitíssimo grata simplesmente por ter vida e minha família e isso me faz ser positiva e crer que  melhor estar por vir. Quanto mais você focar nas coisas que não aconteceram, menos você conseguirá ter uma vida mais leve e terá menos vontade de superar os obstáculos.

E quando falo sobre focar no lado bom não digo que devemos ignorar as coisas ruins e achar que tudo vai dar certo, como disse no começo do post, coisas ruins acontecem, mas não devemos nos prender a elas. A vida continua tendo perdas e ganhos e nós devemos aprender a continuar também. É como diz a música: "What doesn't kill you makes you stronger/ What doesn't kill you makes a fighter". Coloque isso na parede do seu quarto, supere as dificuldade ao longo do caminho, seja grata pelos pequenos acontecimentos e viva feliz!

| Querida leitora, estou viajando sem meu notebook, por isso esse post teve que ser programado, mas não se preocupe que seu comentário será respondido em breve! 😉




PLANEJANDO A VIAGEM PERFEITA

Aproveitando que dia 21/08 estarei indo para o Rio de Janeiro, resolvi falar sobre viagem, afinal, quem não ama viajar? De carro, trem, avião, não importa o meio, amo fazer as malas e conhecer novos lugares e paisagens. Posso não ser a pessoa mais viajada do Instagram, ter feito somente uma viagem internacional, mas depois de mais de vinte mudanças (de casa e Estado), se tem uma coisa que eu sei fazer bem é mala e planejar roteiros. Por isso, hoje vou dar seis dicas para vocês planejaram a viagem perfeita!

foto

⤿ Conheça seu destino
Você quer viajar para a Toscana, por exemplo, mas não sabe nada a respeito? Pesquisa, ué. Vai no Google, joga todas as suas dúvidas sobre o lugar, assista vídeos no YouTube de quem já foi, leia sobre a culinária local, sobre os hotéis, entra no Maps... Quanto mais do seu destino você conhecer, melhor.

⤿  Defina quanto você quer gastar
Essa poderia ser a primeira dica, pois ela pode influenciar e muito no seu destino. As vezes você quer ir para Toscana, mas seu orçamento só permite que vá para Curitiba. Por isso é extremamente importante saber quanto você pode e quer gastar incluindo tudo que uma viagem requer: passagens aéreas, seguro viagem, alimentação, hotel, compras e imprevistos (sempre deixe grana para os imprevistos).

⤿ Pesquise todos os documentos necessários
Agora que você já escolheu o lugar e definiu seu orçamento, tá na hora de pesquisar se o local para onde você irá viajar precisa de algum tipo de vacina ou passaporte (no caso de viagens internacionais). Vale lembrar que brasileiros não precisam de passaporte para viajar para países da América do Sul. Se for viajar dentro do país e quiser alugar um carro, por exemplo, pesquise o que é preciso (além da habilitação que é óbvio).




MEUS MÉTODOS DE ORGANIZAÇÃO E ROTINA

Antes de começar, quero dizer que estou extremamente feliz com o feedback de vocês nos posts da nossa série - e nos outros posts também. Um obrigada enorme e espero que possam sentir o quentinho do meu abraço! Todo amor do mundo pra você aí do outro lado que tem me acompanhado ao longo dos dois anos de blog. 💕 


No último post encontrei algo em comum nos comentários de vocês: a falta de foco. Já sofri muito com isso de começar algo, ver uma abelha passando e me distrair do que estava fazendo. No meu último feedback na empresa em que trabalhava, o chefe de RH disse que sou a pessoa que vive o ditado assobiar e chupar cana ao mesmo tempo. 

E isso é muito verdade! Ao longo dos anos eu desenvolvi a habilidade de fazer várias coisas ao mesmo tempo e isso é uma via de mão dupla, porque você pode fazer o trabalho com excelência como também não pode. E quando isso está relacionado ao meu trabalho consigo dar o meu melhor, mas em casa, nas tarefas do dia a dia não rola.

Por isso que fico batendo na tecla do fazer uma coisa de cada vez! É muito, mas muito difícil pra mim manter o foco em uma coisa só - disseram que é mal de jornalista que tá atenta em tudo, mas discordo. É um trabalho diário e requer muita força de vontade, então se você é uma das pessoas que comentou sobre a dificuldade em manter o foco, fica tranquila, estamos nessa juntas! Mas eu lhe garanto que com força de vontade você consegue.

Uma das coisas que pratico quando vejo que estou desviando minha atenção para outra tarefa é perguntar para mim mesma: Eu terminei de fazer a tarefa X? Não. Então dona Karina, volte ao trabalho! Você precisa se obrigar a terminar o que estava fazendo todas as vezes que sua mente desviar o caminho, até que se torne natural fazer uma coisa de cada vez.

É por esse e outros motivos que resolvi criar uma rotina para manter o foco e conseguir me organizar melhor, por exemplo:

⤿ Ter uma rotina para cada momento do dia
Sou uma pessoa que sofre de insônia quando fico ansiosa e o fato de ser mais produtiva durante a noite também não colabora, por isso criei uma rotina de produção para o período da manhã e uma rotina mais tranquila para o período noturno e assim minha mente e meu corpo agradecem.

Criar rotinas para períodos do dia lhe ajuda a encontrar um horário adequado para cada tipo de tarefa que você tenha que fazer e isso inclui também o momento de relaxar a mente e o corpo. No meu caso, a rotina foi feita para que meu sono se ajustasse e eu trabalhasse mais com a luz natural do dia.

⤿ Se der para ser resolvido agora
Resolva! Simples assim.

Infelizmente durante boa parte da vida fui o tipo de pessoa que deixava as coisas para depois e estava sempre fazendo tudo no limite do prazo, apressadamente e loucamente. Eu gostava da adrenalina de deixar tudo para o último minuto, mas isso é muito prejudicial! Aprendi que se tem algo que pode ser resolvido dentro de cinco minutos, pode ser feito hoje e me deixar livre o resto do dia, devo fazer agora.

⤿ Não misturar os compromissos
Existem pessoas que utilizam uma única agenda pra tudo e para mim isso não funciona. Acredito muitíssimo que separar as funções mais ajuda do que atrapalha, por exemplo: a rotina do home office não deve ficar junto com a rotina da arrumação da casa pois são coisas completamente distintas.

No meu planner anoto os compromisso que tenho ao longo da semana, como por exemplo: dia de levar os gatos no veterinário, dia de ir no Centro da cidade, compromisso com uma amiga. As coisas do blog ficam anotadas em outro lugar para não misturar os assuntos, assim como a lista de aniversários não fica anotada na página aleatória da agenda, mas em um calendário anual e visível todo o tempo. Se eu sei que terei um dia cheio de tarefas para fazer, utilizo a parte do planner diário e separo por hora cada compromisso e aí incluo a hora livre que tenho para arrumar a casa.

Pode parecer que separar as funções em coisas distintas acumula muita coisa, pelo contrário, sua vida ficará extremamente organizada. Se eu não fizesse dessa forma não teria a agenda de Agosto e Setembro do blog e da minha vida montada e organizada!

Como passo mais tempo em casa utilizo somente o planner em papel e não levo nenhuma agenda para o celular, mas caso você seja o tipo de pessoa que precisa de todas as coisas anotadas em todos os lugares possíveis, sugiro que leia esse post aqui que fala sobre alguns aplicativos para organização.

Caso perguntem, já deixo adiantado aqui: o planner que utilizo é o da Camila do blog Não Me Mande Flores. Gosto do design minimalista e ele é super fácil de utilizar - clica aqui para conhecer.

Agora me conta nos comentários quais são seus métodos de organização e se você é o tipo de pessoa que vive com ou sem rotina!




MEUS APPS FAVORITOS

Se tem uma coisa que eu realmente gosto de fazer é testar novos aplicativos e graças as maravilhas da tecnologia inventaram celular com 256 GB de memória, porque se não fosse isso... 😂 Hoje vou compartilhar com vocês meus favoritos.

UNFOLD
Encontrei esse app através da Sharon do blog  The Pink Diary e tenho usado bastante para incrementar meu story do Instagram (por falar nisso, estou com insta novo). Apesar de ter vários filtros (gratuitos e pagos), utilizo apenas dois que são meus favoritos. 


Uso os filtros do pacote CS1, escolho a moldura, depois imagem e coloco meu textinho lá. Tem como mudar o tamanho e tipo de fonte e alinhamento. Depois escolho a cor do fundo e pronto! Ou salvo para compartilhar depois ou compartilho direto pro story.





Acompanhe