QUASE AURORA: Estou me perdendo

Estou me perdendo


Vejo pessoas realizando meus sonhos e eu ficando para trás. Vejo pessoas se casando e eu perdendo o brilho do amor. Vejo pessoas cantando e eu ocultando a voz, o dom que Deus me deu. Vejo pessoas se encontrando e eu me perdendo.

Vejo tantos sorrisos, tantos abraços, tantos beijos, tantos poemas, tantas canções, tantas alegrias e eu não sinto nada. Quando sinto é tão rápido que já nem percebo que senti.

Leio meus textos velhos e observo como a vida era colorida. Como a primavera era florida, como eu observava o pôr do sol.

Sinto falta das montanhas, sinto falta da aurora, sinto falta do frio, sinto falta das estrelas. Sinto falta principalmente de quem eu era. Espontânea, sem medos. Hoje quem eu sou? Uma pessoa que corre contra o tempo, que tem os dias encurtados pelos compromissos, sem tempo para as pessoas e para eu mesma.

Cansada da rotina, da vida corrida, da falta de emoções sinceras e verdadeiras. Do sorriso no rosto, do calor no peito, das asas que me davam liberdade.

Hoje estou presa esperando a estação que me faça crescer. Esperando a estação que me faça me encontrar de volta. Esperando a estação que me faça florescer e exalar o perfume que sei que tenho e ninguém consegue sentir.

Vou caminhando sem rumo, procurando cantos escuros para me esconder nas minhas ansiedades e me perguntando quem me conhece de verdade. Quem sabe que estou perdida, que estou me afogando no meu mar de pensamentos, que estou me deixando dominar pelo medo. Quem sabe que meu sorriso é falso?

Quem repara que minha respiração está ficando cada vez mais densa e pesada? Quem repara que estou cada vez mais cansada, que não tenho paciência pra nada, que estou fazendo o mesmo do mesmo. Que estou me perdendo.

As pessoas se encontram e eu continuo aqui.




2 comentários:

  1. Esse foi efetivamente a melhor coisa que li hoje <3
    Obrigada por me entender quando lhe entende.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar ❤