Quase Aurora | as bonitezas da vida: Tua pele

Tua pele


Gosto da tua pele quente e macia. Da suavidade que ela tem.
Gosto de quando a tua se encontra com a minha num abraço aconchegante.
Gosto de quando tua mão me acaricia.
Gosto do teu olhar no meu. De ter toda sua atenção.
Gosto de quando me irrita e me arrepia.

Gosto de muitas coisas em você e me odeio por gostar e esconder. Preferia não gostar, não sentir nada. Repulsa seria melhor, mas toda vez que teus olhos encontram os meus tudo que mais quero é sentir teu toque outra vez.

Gosto de ouvir tua voz ao pé do ouvido e logo depois me odeio por gostar. Você pra mim não tem sentido. Gostar de você não tem sentido.

Sempre que tento me afastar lá está você em um canto erguendo os braços a espera do meu abraço e meu corpo que deveria me obedecer caminha devagar em sua direção. A emoção toma conta e a razão aos poucos vai perdendo a voz.

E no fim do dia quando você se vai me acho estúpida por pensar em você. E todos os dias quando abro os olhos me prometo que hoje não será como ontem. Que não vou abraçar e muito menos falar. Todos os dias eu luto para não sentir o que sinto e na maioria dos dias perco.

Minha pele deseja a tua. E quanto mais ela deseja, mais medo tenho de mim.




4 comentários:

  1. Que texto mais lindo e poético! Cheio de sentimento, amei! :)

    Beijo! <3
    Cami.

    www.delamila.com

    ResponderExcluir
  2. Falei que ia chorar, não tô sabendo lidar mto bem!
    Gosto de ouvir tua voz ao pé do ouvido e logo depois me odeio por gostar. Você pra mim não tem sentido. Gostar de você não tem sentido. MINHA VIDA AQUI

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar ❤