QUASE AURORA : GRAVIDADE

E-mail

HOME       SOBRE       CONTATO

GRAVIDADE


Eu nunca pensei muito quando estava ao seu lado. Chego a acreditar que era outra pessoa, quem meu verdadeiro eu é. Com você não havia filtros ou mentiras, tudo era muito leve e ao mesmo tempo intenso.

Não havia gravidade o suficiente que me mantivesse no chão. Meu corpo ficava profundamente relaxado e meu ser cada vez mais queria se aconchegar ao teu. Você tinha algo que me puxava, que me fazia querer permanecer por completo ali ao teu lado e isso era algo que nunca soube explicar bem.

Você enxergava meu pior e meu melhor, via o que eu não conseguia ver em mim e em tudo ao redor de nós. Me abraçava e me fazia ter a sensação de estar em casa, me beijava e me fazia ter a sensação do que realmente eu queria que fossemos.

Mas não fomos e nunca iremos ser.

O que passou simplesmente passou. O ciclo que nos envolvia se encerrou e a vida deu continuidade. Acabou algo que nem começou e que não teremos a chance de começar, e por mim tá tudo bem do jeitinho que está.

Deixemos apenas na memória as sensações que provocamos um no outro.




Um comentário:

Obrigada por comentar. Responderei o mais rápido possível. ❤

Acompanhe