QUASE AURORA : PELE PERFEITA

E-mail

HOME       SOBRE       CONTATO

PELE PERFEITA

 

imagem

Eu sempre me perguntei porque fazemos o que fazemos? Quem foi o primeiro a dizer que precisamos ser assim ou assado? E boa parte das minhas perguntas curiosas ficaram sem respostas até eu entender que eu não preciso dessas respostas porque elas não podem definir o que eu julgo ser melhor para minha vida.

E foi por isso que dois anos atrás eu parei de fazer a sobrancelha. Quem foi que disse que mulher pra ser feminina TEM QUE fazer? Se isso não é algo que me incomoda, não afeta minha autoestima e me faz bem deixar ela natural, por qual motivo eu devo fazer? Não deve ser a imposição das pessoas, mas sim o meu desejo.

E sabe, a cada dia que passa eu vou percebendo o que faz mais sentido ou deixa de fazer. A idade e meu amadurecimento tem ajudado a olhar meu corpo de uma maneira diferente, mais leve e sem cobranças.

Hoje em dia nós estamos em uma busca louca por uma pele jovem e perfeita. Uma pele sem poros, lisinha e com glow. Mas que pele é perfeita? Sem falhas, marcas de expressão ou manchas? Quando isso deixou de ser um processo natural do nosso corpo e se tornou algo quase diabólico? Inaceitável? Eu realmente não entendo. A pele é reflexo do que eu como, de como eu durmo, me cuido, me expresso e sinto. E um milhão de tratamentos estéticos não podem esconder isso para sempre.

Você pode adiar, mas uma hora a pele vai mostrar e esse tratamento não irá servir mais. Você precisará de outro e será para o resto da vida escrava de infinitos procedimentos.

E eu não digo isso levantando a bandeira contra procedimentos estéticos, muito pelo contrário! Eu sou a favor se você faz isso porque quer, porque vai lhe fazer feliz. Falo isso porque quero que você pense com calma e clareza antes de realizar qualquer coisa.

Eu me cuido, passo cremes, máscaras, sérum, pomadas e outras coisas para cuidar da minha pele porque quero me sentir e envelhecer bem. Não escondendo a beleza que ela carrega com os anos e histórias vividas. Essa é uma escolha minha e se no futuro eu mudar de ideia e fazer algo mais pesado, tá tudo bem. O importante é a gente se entender e buscar o conhecimento dos prós e contras de tudo que formos fazer no nosso corpo. Entender se faz sentido ou não. Sem pressão, sem buscar aval lá fora, só aqui dentro.





Postar um comentário

Obrigada por comentar. Responderei o mais rápido possível. ❤

Acompanhe